terça-feira, 31 de março de 2009

NÃO É PROIBIDO FOTOGRAFAR EM ANGOLA

Quase não é.

Muitos lugares ainda são restritos ou proibidos.

Quem já veio a Angola com uma máquina fotográfica deve ter sofrido alguma tentativa de extorsão feita por policiais e civis contra estrangeiros que tiram fotos da paisagem, da baía de Luanda, de prédios históricos etc.

Ainda hoje, tirar fotos do palácio presidencial, prédios da polícia e alguns outros edifícios governamentais pode dar cadeia. Ou um longo aborrecimento.

Consegui hoje a cópia do documento abaixo. Clique neles para ler melhor. Depois, imprima e carregue consigo. Se algum policial ou qualquer pessoa disser que é proibido tirar fotografias, mostre o documento.

Nele, o diretor nacional do Comando Geral da Polícia Nacional de Angola, Isaías Celestino Chingufo Chiyaneke, envia a circular número 11/06/05.05/DNOP/003 “a todas direcções provinciais da ordem pública do comando provincial da polícia nacional” com o seguinte comunicado:

“ASSUNTO: TIRAGEM DE FOTOGRAFIAS NA VIA PÚBLICA

Constatando-se o afluxo de cidadãos Nacionais e estrangeiros que têm vindo a utilizar o meio Público ou as diversas artérias desta cidade capital “Luanda”, e nas demais cidades do nosso País, tirando fotografias para fins técnico-científico, académico, comercial e recordações das paisagens deste belo país “Angola”.

Considerando que esta prática não constitui nenhum crime, salvo as áreas onde se situam as infra-estruturas dos órgãos de soberanis e das Forças de Defesa, Segurança e Ordem Interna;

Em cumprimento do consignado no ponto nº2 das Orientações baixadas na reunião do Grupo Operativo/CGPN, realizada no dia 16OUT03;

Orienta-se o seguinte:
1 – Todas Direcções Provinciais da Ordem Pública dos Comandos Provinciais da Polícia Nacional deverão trabalhar no sentido de sensibilizar o efectivo da PN para que não se criem obstáculos às pessoas que tirem fotografias nas vias públicas, uma vez que esta conduta não constitui crime;

2 – Esta Circular é de carácter permanente, cabendo as DPOP/CGPN o cumprimento imediato da mesma, a partir da data da sua recepção.

PELA ORDEM E PELA PAZ AO SERVIÇO DA NAÇÃO

DIRECÇÃO NACIONAL DE ORDEM PÚBLICA /CGPN em Luanda, aos 05 de novembro de 2003

O DIRECTOR NACIONAL

ISAÍAS CELESTINO CHINGUFO CHIYANEKE
SUBCOMISSÁRIO”


Boas fotos!






6 comentários:

RMM disse...

Grande Subcomissário, nem tudo está perdido.

Então um passo em direção à civilidade seria andar com a cópia da circular no bolso e solicitar a identificação de quem não a aceite como ordem. Ah, eu ia esquecendo: e ter a paciência necessária (para fazer tudo isto) de quem acredita na capacidade das sociedades humanas melhorarem.

E conta aí Diário: experimentou trancar as garagens dos vizinhos?

Helga disse...

Tenho até medo de um policial mal encarado insistir que mesmo assim não posso tirar a foto (só pq ele tem a otoridade) e rasgar o papel ou algo parecido.

Luís Rochinha disse...

Muito útil este documento. Obrigado. :)

Salucombo_Jr. disse...

permita-me um copy paste desta útil informação.

Vitor disse...

Já tinha este maldito documento mas com o tempo acabei por perde-lo, mas graças ao google lá o encontrei outra vez. Obrigado por manteres uma cópia aqui. É de formas que não tenho de me repetir a todo o estranho que se aproximar cada vez que tirar uma foto.

Anônimo disse...

vamo leva ele pa tribunal!
vamo leva ele pa esquadra!

ainda hoje, agora, 3 horas atrás, o meu coração ficou ao pulos porque fiquei uma hora detido na rua enquanto 50 usd não resolveram a coisa...

pode-se fotografar em luanda?? é mentira...só às escondidas