terça-feira, 20 de abril de 2010

ONDA DE PRISÕES EM CABINDA

Desde janeiro, quando rebeldes metralharam o ônibus que levava a seleção do Togo para Cabinda, enclave de Angola vizinho à República Democrática do Congo, dezenas de pessoas foram presas pelo exército angolano por suspeita de envolvimento com as Forças de Libertação do Enclave de Cabinda (FLEC).

A seleção do Togo estava no grupo que disputaria a Copa da África, sediada este ano em Angola.

O ataque surpreendeu as autoridades angolanas, que nos últimos anos vinham divulgando que as FLEC haviam sido desbaratadas.

Clique aqui e leia a notícia mais recente sobre a nova onda de prisões em Cabinda, divulgada pelo sítio Angonotícias.

Leia também os comentários dos leitores sobre o assunto.

Nenhum comentário: